What's New

(Portuguese) Expositores Satisfeitos com Resultados da 2017MFE

2017-07-30

A Exposição de Franquia de Macau 2017 (2017MFE, na sigla inglesa), enquanto evento de elevado prestígio para a promoção dos regimes de franquia de marcas e de cadeia de lojas, atraiu a participação de empresas e expositores de todo o mundo. Vários dos expositores presentes na edição deste ano da MFE afirmam estar satisfeitos com os resultados já alcançados através do evento, salientando que a MFE possibilita a exploração de novas oportunidades de negócio e o encontro de novos parceiros, contribuindo ainda para promover a imagem das empresas participantes.

Tomoyasu Sasaki, director de uma empresa japonesa, afirma que a cultura nipónica é muito popular em Macau. Por outro lado, acrescenta que a indústria hoteleira e o sector dos serviços do território estão em franca expansão, o que cria novas oportunidades de negócio no mercado de Macau. Nesse sentido, a sua empresa decidiu participar na 2017MFE para efectuar uma primeira aproximação ao mercado local, procurando promover marisco e produtos agrícolas da ilha de Kyushu, no Japão.

De acordo com o responsável, através da participação na MFE, a empresa pretende contactar directamente com representantes de hotéis e restaurantes de Macau, de forma a exportar os seus produtos directamente para esses clientes, sem necessidade de intermediários. Desta forma, salienta, os hotéis e restaurantes podem comprar os produtos da empresa a preços mais competitivos.

O Sr. Sasaki afirma estar satisfeito com os resultados alcançados durante os primeiros dois dias da 2017MFE, visto que manteve contactos preliminares com mais de 10 empresas. Entre estas empresas está um potencial cliente da Malásia, que demonstrou interesse em adquirir ostras de Kyushu, para substituir as ostras francesas que actualmente utiliza. O mesmo potencial comprador disse também estar interessado em comprar atum azul exportado pela empresa japonesa, de acordo com o Sr. Sasaki.

Andrew Chiang participa pela primeira vez na MFE. A sua empresa, baseada em Macau, possui várias lojas mas apenas com serviço de “take-away”. A empresa é também distribuidora de café, fazendo a sua própria moagem e torrefacção, de forma a garantir a qualidade do produto. Através da participação na MFE, o Sr. Chiang espera conseguir promover a sua empresa e encontrar potenciais parceiros para expandir o negócio para os mercados da China Continental e Hong Kong. Além disso, realça, a empresa pretende também distribuir café para outros mercados e prestar serviços de consultoria e formação. O responsável afirma estar satisfeito com a participação no evento, tendo já estabelecido contactos com alguns potenciais parceiros.

Também a participar na MFE pela primeira vez está a empresa de Shane Cheo, proveniente da Malásia e a actuar no sector da distribuição de fruta. De acordo com a Sra. Cheo, directora da empresa, a companhia pretende encontrar novos parceiros de negócio através da 2017MFE – especialmente empreendedores que tenham a mesma filosofia de negócio do grupo – para vender os seus produtos a supermercados. A Sra. Cheo diz que conseguiu entrar em contacto com várias empresas através da MFE, o que cria possibilidades para novas parcerias e expansão do negócio.

Lei Kai Chao, director de um grupo de restauração de Macau, explica que a sua empresa está a participar na MFE pelo segundo ano consecutivo. O Sr. Lei  salienta que, após a participação na edição de 2016 do evento, os restaurantes do seu grupo passaram a gozar de uma maior popularidade, tendo atraído inclusivamente investidores interessados em participar no negócio.

A empresa do Sr. Lei decidiu voltar a participar na MFE este ano, visando promover a internacionalização do sector da restauração de Macau, especialmente tendo em consideração o papel da cidade como Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, bem como a participação do território na implementação da iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”. Além disso, acrescenta o responsável, a edição deste ano da MFE voltou a ser organizada em simultâneo com a Feira de Produtos de Marca da Província de Guangdong e Macau, atraindo não apenas visitantes interessados no regime de franquias, mas também pessoas que procuram produtos de qualidade da China Continental e de Macau. O facto de os dois eventos se realizarem em simultâneo é positivo para os expositores, realça o Sr. Lei.

No âmbito do papel de Macau enquanto Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, a MFE continua a atrair várias empresas dos Países de Língua Portuguesa. Por exemplo, a Câmara de Comércio de Moçambique organizou uma delegação para participar no evento, contando com a adesão de quatro empresas moçambicanas, dos sectores do aço, turismo, venda de marisco e de produtos de couro de crocodilo.

Natália Orlando, responsável da empresa de marisco moçambicana, disse que a empresa pretende promover o marisco moçambicano através da 2017MFE. Após entrar no mercado de Macau, a empresa espera ter a oportunidade para expandir as suas vendas para os mercados da China Continental e de Hong Kong. Nos primeiros dois dias da 2017MFE, várias empresas mostraram interesse nos produtos de marisco de Moçambique, disse a responsável, acrescentando que foi importante efectuar um primeiro contacto directo com potenciais parceiros, esperando agora poder estabelecer relações de cooperação num futuro próximo.

Amanhã (30 de Julho) é o último dia da 2017MFE. O derradeiro dia do evento é dedicado à “Base de Lançamento de Start-ups”, que inclui fóruns e seminários sobre vários temas e a participação de vários empresários de sucesso. Esta iniciativa visa proporcionar informação de relevo a jovens empreendedores e a empresas interessadas em lançar ou expandir os seus negócios.

Para melhor servir os visitantes e promover a política de prioridade ao transporte público e de viagem ecológica, a organização tem à disposição do público autocarros gratuitos entre o recinto do evento e várias zonas da cidade, nomeadamente Macau Plaza, Avenida do Conselheiro Ferreira de Almeida, Mercado do Iao Hon e Parque Central da Taipa. Será ainda disponibilizado espaço de estacionamento gratuito nos salões de exposições “D” e “E”. Porém, devido ao número limitado de lugares disponíveis para estacionamento gratuito, o referido serviço será disponível de acordo com a ordem de chegada.

Para mais informação sobre a 2017MFE, por favor consulte a página electrónica oficial www.mfe.mo ou contacte os organizadores através dos seguintes meios: telefone – (853) 8294 6885; fax – (853) 8294 6701; ou e-mail – sec@mfe.mo. Os interessados podem também adicionar à sua conta de WeChat a conta oficial da MFE – MFEMacau.

002

 Várias empresas afirmam que a participação na Exposição de Franquia de Macau ajuda à expansão da rede de negócios

 

001

 A edição deste ano da Exposição de Franquia de Macau atraiu muitos visitantes